Ventilação industrial com ventiladores centrífugos

Ventilação pode ser definida como a movimentação intencional de ar de forma planejada a fim de atingir um determinado objetivo. Essa movimentação pode ser feita por meios naturais ou mecânicos.

Para isso o equipamento fundamental são os Ventiladores centrífugos são dispositivos mecânicos desenvolvidos para movimentar o ar ou gases, utilizando a energia cinética dos rotores (acionados por um motor elétrico) para aumentar a pressão do fluxo de ar/gás, que por sua vez movimentá-los contra resistência causada por dutos, filtros e outros equipamentos.

Imagem relacionada
Fabricação de ventiladores centrífugos industriais

O ar sempre se movimenta da zona de maior pressão para a zona de menor pressão, portanto um projeto correto de diferenciais de pressão no sistema é de fundamental importância para o seu funcionamento. Projetar um sistema de ventilação industrial consiste basicamente em três problemas:

  1. Determinação da vazão de ar necessária e o esquema da distribuição do ar no recinto a ser ventilado.
  2. Projeto e cálculo das redes e dutos
  3. Seleção de ventiladores ou de qualquer outro sistema de movimentação de ar (convecção natural)

Os sistemas de ventilação se classificam como: ventilação geral (natural ou mecânica), que é aquela que ventila o ambiente como um todo, chamada Ventilação Geral Diluidora (VGD) e Ventilação Local Exaustora (VLE) que retira as substâncias emitidas diretamente do local de geração, conduzindo-os para a atmosfera externa.

Ventilação Geral Diluidora:

Este método de ventilação consiste simplesmente em passar uma corrente de ar externo não contaminado através do recinto a ser purificado, eliminando (reduzindo a concentração) de substâncias indesejáveis. O uso de ventilação geral diluidora é sempre mais econômico no caso de várias fontes contaminantes em baixas concentraçõe. No caso de ser produzido no ambiente um contaminante indesejável, mesmo a concentrações mínimas, o fator econômico deixa de ser o mais importante.

A ventilação geral diluidora pode ser usada tanto para ambientes normais como para ambientes industriais. No caso de ambientes industriais é usada para remover contaminantes, calor ou ambos.

A simples renovação de ar no ambiente não significa que este se tornará salubre, sendo necessário que o ar seja distribuído de forma que a taxa de contaminante seja a mesma em todos os pontos.

A ventilação geral diluidora não é recomendada para substâncias altamente tóxicas (TLV ≤ 100 ppm).

Limites de tolerância (TLV – Threshold Limit Value):

Resultado de imagem para industrial blower

O TLV refere-se às condições limites de qualidade do ar em ambientes de trabalho e representa os valores sobre os quais acredita-se que a quase totalidade dos trabalhadores possa ser repetidamente exposta sem efeito adverso à saúde.

Por causa da grande variação de suscetibilidade individual, uma pequena porcentagem destes trabalhadores pode experimentar descomforto com algumas substâncias em concentrações iguais ou abaixo do valor limite. O TLV refere-se à concentração média, em tempo, para um dia normal de trabalho (8 horas) ou uma semana (40 horas).

Os TLVs são definidos anualmente pela ACGIH (American Conference of Governamental Industrial Hygienists) através de experiências. Estes valores devem ser utilizados apenas como referência.

Ventilação Local Exaustora:

A ventilação local exaustora capta os poluentes diretamente na fonte evitando a dispersão dos mesmos no ambiente de trabalho. Este tipo de ventilação é mais adequado à proteção da saúde do trabalhador.

Um sistema de ventilação local exaustora é composto de:

Captores: pontos de entrada dos poluentes mais gás carreador (em geral o ar) no sistema.

Dutos: têm a função de transportar os poluentes. Podem ser divididos em tramos, duto principal e chaminé.

Filtro: equipamento destinado à limpeza do ar exaurido antes de seu lançamento na atmosfera. Inclui tudo que é necessário para o seu funcionamento, como por exemplo, trocadores de calor e pré-filtragem (pré-coletor). A presença do filtro no sistema dependerá das normas locais de controle de poluição.

Conjunto ventilador-motor: fornece a energia necessária para movimentar o fluido e vencer todas as perdas de carga do sistema.

Chaminé: é a parte final do sistema cuja finalidade é o lançamento do gás transportador mais a emissão residual na atmosfera.

Comprar ventilador centrífugo industrial

ventilador industrial centrifugo
ventilador industrial centrifugo

A Fillkplas fabrica ventiladores centrífugos com acionamento direto, monofásico 220V. Construído todo em material anticorrosivo o equipamento possui uma vida útil muito superior ao de metal. Funcionam perfeitamente bem em conjunto com os tanques e lavadores de gases industriais.

Aplicáveis nos mais diversos segmentos, os ventiladores Fillkpls alinham alta qualidade, flexibilidade, confiabilidade e alta tecnologia.

Eles possuem, alta capacidade e são aplicados em máquinas e equipamentos que necessitem de alta pressão. 

Deixe uma resposta